Homi num presta mesmo - Não leve por trás
por Não leve por trás
24 maio 2021 às 15:30

Diga-me mais sobre como funciona isso, escolher mais não querer ser escolhida?

Muito interessante essa lógica.

12 comentários. Comente também!

  • Seu comentário pode demorar alguns segundos para aparecer, devido ao cache do site.
  • Comentários com links, não são aprovados instantaneamente.
  • lex disse:

    o mais estranho, e que as gordinhas nao querem os gordinhos, e se vc ensinuar que ela esta gordinha, e um drama dos infernos, com o argumento de que o que vale e a beleza interior, como diria meu amigo Luizao: “ta me achando ruim ? entao vai fazer pilates…. :^) :^) :^)”

    0

    0
  • Pindoba disse:

    Pela cara do caboclo ele tá achando bom.

    0

    0
  • 23423 disse:

    Mulher bate e nao quer ser batida… vai entender… mulher é um bicho bom mas é doido

    0

    0
  • Pascuale disse:

    Em todos esses anos nessa indústria vital nunca aprendeu a diferença de “mais” e “mas”.

    0

    0
    • 2342424 disse:

      oxi… e coloquei errado por acaso… “mas” no sentido de oposição jegue…

      0

      0
      • Pascuale disse:

        “Diga-me mais sobre como funciona isso, escolher MAIS não querer ser escolhida” o texto está assim, deveria ser MAS.
        Mas vida que segue… não é o fim do mundo hahaha

        0

        0
  • lex disse:

    Mulheres, o Rock – Banda Vagabundo Sagrado/DF (Versão Original da Trilha de “Guerra dos Sexos”)
    6.396 visualizações

    Ivan Sérgio Santos
    28 inscritos
    Publicado em 28 de nov. de 2012
    MULHERES, O ROCK
    Letra e música: Ivan Sergio Santos

    Mulheres são capazes de tudo
    Mulheres acreditam em contos de fadas
    Mulheres têm um sexto sentido
    Mulheres têm medo de barata
    Mulheres ficam apaixonadas
    Paixão dessas de enlouquecer
    Mulheres ficam entediadas
    E vão embora sem dizer por quê
    Mulheres guiam mal pra cacete
    Mulheres choram no cinema
    Não podem ver um bicho doente
    Da gente é que elas nunca têm pena
    Mulheres provocam brigas
    Mulheres não deixam por menos
    Mulheres contam pras amigas
    Se o homem tem pinto pequeno

    Mulheres, mulheres, mulheres…

    Mulheres pintam a cara
    Mulheres raspam os pêlos
    Mulheres assistem novelas
    E falam pelos cotovelos
    Mulheres, mães e namoradas
    Babás, titias, vovós
    No fundo somos apenas
    O que elas fazem de nós

    Mulheres, mulheres, mulheres

    Gravado em 16.10.2012 no Estúdio Feed Back (Brasília/DF)
    Ivan Sergio Santos — Guitarra e voz
    Marco Guedes: Bateria
    Daniel Melo — Baixo e Vocal
    Luciano Carvalho: Sax e Vocal
    James Castro — Guitarra (Part. Especial)
    Daniel Baker – Teclados (Part. Especial)

    0

    0
  • https://pt.pornhub.com/view_video.php?viewkey=ph5e19efaf8db18 disse:

    Eu só queria que ela gostasse das mesmas coisas que eu, (e não fosse gorda) de resto está de boa.

    0

    0
  • Patrick Lamarte disse:

    O capitalismo é a solução pra qualquer problema existente no mundo, inclusive o sexual, portanto, vá trabalhar para produzir e ter (muito) dinheiro. O gadismo acaba quanto você pode ter acesso a um vasto e imenso catálogo de GPs, todas lindas e que certamente vão dar pra você. E se você for um cidadão refinado e quiser companhia pra um jantar ou festa, há universitárias com o dobro do seu QI pra te acompanhar, basta pagar o preço certo. O poder feminino não se cria no capitalismo.

    0

    0
  • ShallowNow disse:

    Só dinossaura nessa manifestação, SARAVÁ

    0

    0

Entre na sua conta